Fotocélula VS Sensor de Movimento: Qual a diferença?

Fotocélulas e sensores de movimento são dispositivos eletrônicos que podem ser usados para gerenciar a iluminação interna ou externa. Esses sensores melhoram a segurança da sua casa, acendendo as luzes automaticamente quando está escuro ou detectando movimento. Quando a luz extra for desnecessária, eles também serão desligados automaticamente para economizar energia. Entenda a diferença entre fotocélulas e sensores de movimento, além de dimmers e outros controles que podem melhorar a iluminação da sua casa.

1. A Ciência da Energia Fotovoltaica

Existem vários tipos de células fotovoltaicas disponíveis, mas todas utilizam a mesma tecnologia básica, nomeadamente semicondutores, para controlar a corrente. Em circunstâncias normais, os semicondutores não conduzem eletricidade, mas quando são expostos a luz suficiente, a corrente começa a fluir. Você pode ajustar o nível de luz que ativa o semicondutor em alguns produtos através da função de fotocélula.

2. Função fotocélula: do anoitecer ao amanhecer

Um dos usos mais comuns das fotocélulas é acender as luzes externas ao pôr do sol e desligar as luzes externas ao amanhecer. Como conseguem perceber os níveis de luz circundantes, as células fotovoltaicas podem ajustar-se automaticamente às mudanças sazonais no ciclo diurno e noturno, independentemente da influência do horário de verão. Quando você não está em casa, a célula fotoelétrica que controla as luzes externas e o temporizador que liga o aparelho interno criarão a ilusão de ocupação, o que pode dissuadir intrusos. Outros usos das fotocélulas incluem ligar estacionamentos ou luzes de rua depois de escurecer, ajustar dimmers internos para compensar mudanças nos níveis de luz natural ou ligar ou desligar sinais comerciais iluminados.

3. Tipo de célula fotovoltaica

Existem várias fotocélulas disponíveis hoje.

  • A fotocélula plugável funciona com uma tomada de parede padrão e um plugue direto para controle. Eles são uma maneira conveniente de ligar ou desligar um único abajur ou abajur.
  • Aparafuse o fototubo da lâmpada ou base do castiçal no soquete da lâmpada, quase qualquer lâmpada ou luminária permanente pode ser transformada em um sistema de iluminação automático. Você precisa instalar um desses dispositivos em cada soquete para funcionar corretamente.
  • A tensão da linha e as células fotovoltaicas cabeadas controlam todo o circuito, o que é uma forma ideal de gerenciar a iluminação de segurança ou paisagística.

4. Sensor de movimento em ação

A principal diferença entre uma fotocélula e um sensor de movimento é que a primeira pode detectar mudanças nos níveis de luz, enquanto o último pode reagir a movimentos físicos. Existem dois tipos de detectores de movimento. O modelo ativo emite luz, rádio ou ultrassom. O movimento da área de detecção altera o sinal refletido e ativa o sensor. Alguns desses dispositivos podem até detectar movimento nos cantos. Sensores de movimento passivos detectam energia infravermelha emitida por objetos quentes, como animais ou pessoas. Quando esses pontos quentes se movem, o sensor e quaisquer circuitos conectados são acionados.

Para aumentar a cobertura e eliminar falsos positivos, os sensores de movimento costumam usar vários métodos de detecção. Os equipamentos projetados para uso externo geralmente incluem uma função fotovoltaica, que pode desligar o sistema durante o dia para economizar energia. Você pode ajustar o tempo que as luzes adicionais permanecem acesas após a detecção de movimento usando um temporizador integrado em alguns sensores.

5. A função do detector

Quando o sensor de movimento detecta movimento na área de cobertura, geralmente acende as luzes externas. Eles também são usados como sensores de ocupação com eficiência energética em edifícios comerciais, apagando luzes em escritórios vazios. Muitos desses produtos possuem áreas de detecção ajustáveis que permitem cobrir locais específicos, como calçadas ou calçadas, sem serem afetados pelo movimento de galhos de árvores ou ruas próximas.

6. Variedades de sensores de movimento

Os controladores de iluminação externa geralmente usam sensores de movimento conectados diretamente a um circuito de 120 volts para controlar vários equipamentos. Os sensores do sistema de segurança geralmente são alimentados por bateria e enviam alarmes para a estação base sem fio. Alguns sensores de movimento independentes possuem luzes integradas, tornando-os fáceis de instalar e usar em quase qualquer lugar.

7. Boas ideias para aplicações de iluminação

A diferença entre fotocélulas e sensores de movimento oferece muitas opções de controle para sistemas de iluminação interna e externa.

  • Use uma fotocélula combinada e um sensor de movimento para ativar as luzes de segurança em sua casa, mas somente depois de escurecer.
  • Coloque um sensor de movimento e uma luz externa na calçada ou no caminho do jardim para garantir uma posição segura ao passear com o cachorro ou levar o lixo para fora à noite.
  • Use fotocélulas para garantir que as lâmpadas decorativas estejam sempre acesas à noite.
  • Combine uma lâmpada, uma fotocélula plugável e um interruptor de luz tradicional para criar uma luz automática que só pode ser ligada quando necessário.
  • Use sensores de movimento e luzes integradas para fornecer iluminação de escadas com as mãos livres.

O sensor de movimento e a fotocélula alternam a fonte de alimentação de acordo com a mudança do nível de luz ou o movimento detectado. Eles são compatíveis com diversos tipos de lâmpadas e alguns são compatíveis com sistemas de segurança. Através destes controles flexíveis, você pode economizar energia e melhorar a aparência e a segurança da sua casa.

Compartilhar:

Mais postagens

Envie-nos uma mensagem

Caixa de temporizador TB388 para piscina
Guia de mudança de horário

Tudo o que você precisa saber sobre um cronômetro de piscina

Quer você tenha um mostrador tradicional ou uma interface digital,…

Interruptores temporizadores elétricos AHC810 para luzes
Guia de mudança de horário

O que saber sobre o temporizador para luzes de paisagem

A escolha dos temporizadores de luz externos certos depende de suas preferências, ...

Interruptor de tempo astronômico AHD16T
Guia de mudança de horário

Compreendendo a mudança de horário astronômico: aplicações, benefícios e recursos

Os interruptores horários astronômicos são comumente usados para iluminação pública e…

Guia de mudança de horário

Qual é o princípio de funcionamento do disjuntor com religador automático?

Esses tipos de MCBs e RCCBs com funções de religamento automático…

Guia de mudança de horário

Quais são os tipos de relés elétricos

Os relés elétricos são um dos dispositivos mais usados…

Guia de mudança de horário

Como um temporizador pode beneficiar o crescimento automatizado!

É improvável que mesmo o jardineiro hidropônico mais perspicaz tome cuidado…